Faça uma emocionante viagem no tempo e reviva o passado sem sair do presente, em ambientes repletos de magia. Festivais romanos, feiras medievais e recriações históricas são alguns dos eventos temáticos a não perder.

Festival Aquae Sulis

Arruadas de gaiteiros e bombos, espetáculos de malabares de fogo, treinos com aves, treinos de armas dos gladiadores, mercado romano, saltimbancos, acrobatas e teatro de rua, são apenas alguns dos atrativos do extenso programa do festival romano Aquae Sulis, que a cada ano apresenta novas atrações e surpresas.


Recriação Histórica de Arouca

Na Recriação Histórica de Arouca é como se o tempo parasse e “voltássemos a viver junto dos reis e das rainhas, dos nobres e dos burgueses, dos artistas e artesãos, dos poetas, dos boémios e dos bacharéis que povoam as ruas. E das monjas, que voltam a dar vida ao Mosteiro de Arouca.”

“Passeiam-se nobres, burgueses e populares. Abrem-se as tabernas, os artesãos e artistas trabalham nos seus ofícios, vendem-se produtos. A animação decorre com música barroca, arruadas de bombos, saltimbancos, bandas de música, contadores de histórias, bonecreiros e salteadores de estrada roubam às portas da vila”.

Todo o mosteiro ganha vida: os claustros, a cozinha, a botica, a cela, a lavandaria, a sala de estar e de leitura, a enfermaria, a casa do despacho da abadessa, a roda dos expostos, os locutórios e o cartório. Recriam-se pregões, bandos e charamelas, assaltos, a visita de bispos e abades, a eleição da abadessa, a entrega das Varas do Poder Municipal, a reunião do Capítulo, a fuga das freias, o incêndio, entre muitas outras cenas da vida quotidiana deste grandioso mosteiro.


Feira Medieval de Mões

Na Feira Medieval de Mões recria-se um mercado com personagens, usos e costumes próprios da Idade Média. “O bulício dos mercados populares, os pregões dos bufarinheiros e dos almocreves, as ladainhas dos mendigos, cruzam com as músicas dos mesteirais. Todo um ambiente de feira que se reproduz ao pormenor nos trajes e maneiras de tendeiros e demais feirantes. Uma aula de história ao vivo, uma viagem no tempo.” Nas tabernas da feira, onde pode petiscar, almoçar ou jantar, a gastronomia é exclusivamente medieval.